Pesquisar

Você Sabia?

Curiosidades, dúvidas & notícias do mundo Pet

Você sabe dizer 10 diferenças entre os pets mais famosos do pedaço: cachorro e gato

Presentes na maioria dos lares brasileiros e muitas vezes criados juntos  cães e gatos dominam o coração dos humanos embora tenham características físicas e de comportamento bem distintas, vamos conhecer algumas:

1 – Padrão social –  os cães são mais dependentes do tutor, querem mais atenção e interação com passeios, brincadeiras, higienização e alimentação. Já os gatos são conhecidos por sua independência o que muitas vezes é confundido com falta de sentimento, pois ele não gosta muito de ficar na cola do tutor e pode passar dias fora de casa, mas não pense que é falta de amor pois é apenas uma característica da sua personalidade.

2- Treino –  enquanto os cães podem ser treinados rapidamente a comandos simples como sentar e deitar os gatos são mais facilmente treinados no quesito hábitos de higiene como o uso da caixa sanitária que envolve instinto.

3- Dentição – Além dos cães possuírem mais dentes (42 dentes) comparados aos gatos (30) também diferenciam-se pela mordida. Um cão, dependendo da raça, pode ter mordida tão forte a ponto de fraturar um osso, já os gatos não tem a mordida tão forte mas é bem mais afiada. 

4 – Memória – um gato pode sair de casa, por muitos dias e percorrer longas distâncias e mesmo assim retornar para o seu lar já os cães nem sempre são capazes de retornar e podem se perder. Os gatos tem uma capacidade bastante superior aos cães de guardar informações.

5- Habilidade física – as habilidades para caça entre cães e gatos são bem distintas uma vez que os gatos tem excelente visão noturna, boa audição e olfato e uma flexibilidade extraordinária com grande capacidade para correr e pular. Já os cães se destacam por sua habilidade de rastreamento devido ao seu olfato e audição o que se comprova pelos trabalhos de busca e salvamento, com capacidade de farejar substancias específicas a longas distâncias.

6 – Hábito alimentar-  os cães são carnívoros, precisam de carne para viver mas conseguem sobreviver se alimentando de matéria vegetal o que não acontece com os gatos que são carnívoros obrigatórios, isto é, a presença de carne na dieta é essencial para a sua sobrevivência.

7- Jejum – Os gatos são mais sensíveis e não conseguem ficar em jejum por muito tempo desenvolvendo alterações no fígado oque coloca a sua vida em risco. Os cães são mais resistentes e capazes de usar suas reservas em casos de necessidade.

8 – Reações – Ao serem enfrentados cães e gatos reagem de forma distinta. Enquanto os gatos ao se sentirem ameaçados possuem grande facilidade para fugir, devido as suas habilidades para saltar, escalar e se equilibrar em lugares altos os cães costumam atacar e enfrentar o perigo ou ameaça.

9 – Garras – nos cães as garras são sempre expostas o que as deixam sem corte devido ao atrito direto com o solo. Já os gatos tem garras sempre afiadas pois são retráteis e ficam protegidas nos dedos.

10 – Banho – os cães tem maior necessidade de banho e muitas raças tem grande interação com a água e adoram um mergulho ou uma poça de água para se divertir. Já os gatos tem menor necessidade de banho, pois fazem a higiene com a língua, entretanto, apenas a higiene com a língua muitas vezes não é suficiente e o banho convencional deve ser realizado. Para um banho tranquilo nos gatinhos é importante habituá-lo desde cedo ao banho convencional para que ele se condicione e aceite esse momento com tranquilidade e alegria!

Gostou? Compartilhe com seus amigos

WhatsApp

Artigos mais lidos