Pesquisar

Banho Dog&Mia

Tudo o que você precisa saber para um banho seguro e tranquilo

Dicas para um Banho Seguro

Um animalzinho em casa é uma festa, mas também muita responsabilidade! E o banho é uma delas e deve ser realizado com todo o cuidado e atenção para garantir sua beleza e a saúde!

E o momento do banho deve ser uma hora de diversão entre o tutor e o seu “filho de patas” mas sem esquecer dos cuidados para evitar acidentes e, principalmente condicionar o animal a gostar do banho e tornar este um momento tranquilo tanto para o animal como para o tutor!

Então vamos lá, esclarecer alguns pontos importantes:

1.   Com que frequência dar banho no seu DOG&MIA?

A frequência está ligada às características da raça, idade, comprimento da pelagem e hábitos de vida, como por exemplo, se vive em apartamento, chácara, casa com quintal, etc. Na atualidade o banho se faz necessário semanalmente, pois os pets são membros da família e devido a convivência constante com seus tutores dentro de casa surgiu a necessidade do banho semanal, feito em casa ou por profissional especializado em Centros de Estética Animal.

2.   Qual o melhor lugar par ao banho do DOG&MIA?

No caso do banho realizado em casa, o tutor deve escolher uma área livre de  correntes de ar, evitando assim  mudanças bruscas de  temperatura. Seja no chuveiro, pia, tanque ou bacia, o importante é o animal se sentir seguro, protegido de quedas.  É importante que o lugar seja confortável para o animal e tutor, assim fica mais fácil, tranquilo e divertido! E, claro, num dia de verão, sol e calor, animais já adultos e saudáveis podem tomar um agradável banho  de mangueira, sim!

3.   Quais produtos e materiais separar?

 O passo mais importante é deixar produtos e materiais de uso no banho a sua disposição, em local de fácil alcance: escova, pente, toalha, xampu, condicionador, bolas de algodão, secador. Isso evita sair correndo no meio do banho e deixar o animal sozinho! Ah, muito importante antes do uso de qualquer produto é ler com atenção a recomendação do fabricante e em caso de dúvidas entrar em contato com o SAC e esclarecer dúvidas. Este é um passo essencial para garantir um bom resultado com eficiência e segurança. 

Então não esqueça de separar os matérias antes de começar o banho, hein!

  • shampoo 
  • condicionador 
  • algodão 
  • higienizador para os ouvidos 
  • toalha limpa e seca 
  • secador 
  • escova  
  • pente e, muita paciência e carinho também!

4. Nada de produtos humanos em animais, hein!

Os animais tem uma pele bem mais fina que a dos humanos por isso ela esta protegida pela pelagem! Além disso, o pH da pele animal é diferente da pele humana e portanto os produtos são diferentes. Então, não caia na tentação de usar o seu shampoo porque é cheiroso ou fica bom no seu cabelo ele não foi desenvolvido para isso e pode causar irritação ou alergia!

5.   Água fria ou quente?

A água no momento do banho deve ser  de morna para fria, a água muito quente pode causar um desconforto no pet, além do  risco de queimaduras localizadas pela alta temperatura.

6. Muita calma e paciência!

   No aconchego do lar tudo é mais divertido, com certeza! Mas imponha limites, com firmeza, pois os bichinhos são espertos e podem se aproveitar se perceberem que você não esta seguro! Levar brinquedos e conversar durante o banho podem acalmar e tornar o banho mais tranquilo! Após o banho um petisco pelo bom comportamento é uma forma de condicionar o animal para os próximos banhos, pois ele não é bobo, e gosta de um mimo!

Artigos mais lidos